Doutrina ou heresia do Toma Lá Dá Cá?

Muitas igrejas evangélicas modernas, não todas, adotaram a doutrina do TOMA LÁ DÁ CÁ  como doutrina fundamental, para receber as bênçãos e barganhar com Deus, mas será isso bíblico?

O Toma lá dá cá é apenas mais uma mascara da teologia da prosperidade, uma teologia que de bíblica não tem nada.

O toma lá dá cá não tem fundamento bíblico, é sempre usado versículos isolados para ensinar tal heresia. O que acontece é que certas seitas evangélicas mantêm uma conduta de compromisso de que você deve dar dinheiro sempre. Eles podem convencer e sujeitar você a dar o que eles querem e poder manter essa obrigação através de votos, envelopes e mais envelopes, uma campanha atrás da outra.

OS SACRIFÍCIOS

O sacrifício em ofertar se torna a solução para todos os problemas, através deste se recostura o véu que foi rasgado por Jesus quando ele morreu na cruz, porque todos os rituais, leis e sacrifícios foram consumados em Cristo.

Através da Bíblia vemos que tudo o que somos e temos foi dado gratuitamente por Deus (veja Mateus 10,8) e não depende nem de quanto dinheiro temos, Deus faz nascer o sol igualmente sobre maus e bons e cair a chuva sobre justos e injustos (Mateus 5,45).

A graça de Deus, que significa favor imerecido é pisoteada pelo TOMA LÁ DÁ CÁ, onde se utiliza as ofertas e dízimos para barganhar com Deus suas bênçãos, porem o que os mercenários da fé não ensinam é que estas bênçãos foram prometidas pelos méritos de Cristo e não do seu povo, porque ninguém merece nada de Deus.

Jesus, porém, tendo oferecido, para sempre, um único sacrifício pelos pecados, assentou-se à destra de Deus, aguardando, daí em diante, até que seus inimigos sejam postos por estrado dos seus pés. (Hb 10:12-13)

A orientação dos pastores aos fieis se resume em dizer que todos os problemas, seja financeiro, conjugal, familiar, saúde ou espiritual é resolvido com ofertas, sacrifícios e dízimos.

Mais e mais dinheiro é pedido para atingir graus mais altos de conquistas ou espiritualidade, ou a submissão completa para Deus, exigem que a pessoa deixe tudo à igreja ou líder para a causa: “Dê para que Deus dê mais ainda”, “Quanto mais você der mais Deus te dará” é o “toma lá dá cá” em ação.

Promessas são feitas que “se você der boas ofertas Deus o fará muito rico”, a barganha com Deus é ensinada sem pudor.

O medo também é imposto como método de pressionar os membros a darem o dizimo, como o medo da maldição, o medo do devorador, o medo de desobedecer a Deus, o medo de não cumprir os votos, o medo do inferno e coisas do tipo.

O PEDIDO AO GÊNIO DA LÂMPADA

Alguns que se sacrificam em darem altas ofertas conquistam alguma coisa por méritos próprios, a maioria não. A maioria creem que os seus sacrifícios em campanhas os farão prosperar como uma mágica, para você entender é como um pedido feito ao gênio da lâmpada, só que este gênio é Deus!

Mas não é por menos, pois muitos mercenários da fé ensinam distorcendo a Bíblia que os pedidos nos votos financeiros serão respondidos por Deus como num milagre, o que na cabeça de muitos substituem o esforço no estudo e no trabalho que qualquer um tem que fazer para alcançar seus objetivos profissionais.

Assim ao invés de estudar, se profissionalizar, ou trabalhar para se alcançar o objetivo financeiro, o incauto na fé, trabalha para conseguir o dinheiro para fazer seu sacrifício, sonhando que Deus os responderá na sua barganha, são estimulados a vender até o que tem, só que a campanha acaba e não há resposta, e logo depois ele estará trabalhando novamente para por tudo no envelope da outra campanha que virá, na esperança que desta vez será diferente, e assim os anos vão passando, os lideres mercenários vão se enriquecendo e os fiéis mais empobrecidos mas na esperança que na próxima campanha haverá resposta.

Aqueles que conquistam bens materiais e bons status profissionais são exaltados como exemplos a serem seguidos, aqueles que não foram, são acusados de que não tiveram fé no propósito ou tem algum pecado escondido.

Quando a resposta da campanha não vem a culpa nunca é da igreja, do pastor ou da campanha que fazem, é sempre da própria pessoa que não deu com fé ou está fazendo alguma coisa errada.

O compromisso deles requer que aquela bem material ou dinheiro sejam dados nas mãos do líder (es) ou no altar.

OFERTA = ESPIRITUALIDADE?

Tempo, talento, e dinheiro são todos colocados à disposição da igreja ou líderes. Até os pastores fazem isso antes de serem ordenados, nestas igrejas que adotaram o toma lá dá cá como doutrina.

É tudo focalizado na missão que é interpretada como de Deus: Abrir novas igrejas, construir templos luxuosos, comprar propriedades, adquirir emissoras de radio e TV etc., tudo com a finalidade de pregar o evangelho, de fazer o bem ao próximo, mas grandes partes destes recursos são na verdade, desviados para interesses e desejos nada cristãos de seus lideres gananciosos por poder e riquezas.

Tanto é verdade que depois que compram emissoras de radio e TV as utilizam para outros fins.

A espiritualidade é determinada subliminarmente para os membros pelos bens que conquistam, pelo poder aquisitivo, de tal forma que todos acreditam que é da vontade de Deus que eles sejam ricos.

“Então lhes disse: ‘Cuidado! Fiquem de sobre aviso contra todo tipo de ganância; a vida de um homem não consiste na quantidade dos seus bens’.” Lucas 12:15

Assim a meta de ser rico, de ser prospero, de possuir bens materiais, de subir no altar para dizer que conquistou isso ou aquilo passa a ser uma disputa entre os membros para ver quem é o “mais abençoado” ou “de Deus”.

Isso tudo faz parte da heresia do TOMA LÁ E DÁ CÁ ou teologia da prosperidade como queira chamar.

“De fato, a piedade com contentamento é grande fonte de lucro, pois nada trouxemos para este mundo e dele nada podemos levar; por isso, tendo o que comer e com que vestir-nos, estejamos com isso satisfeitos.” 1 Timóteo 6:6-8

HERESIAS LEVAM A MISÉRIA E AO INFERNO

Seus lideres usam o fato de haver pessoas que foram libertas ou curadas na igreja, como uma prova de que a igreja é de Deus ou como uma forma da aprovação de Deus sobre a maneira que o ministério se conduz, aqui no caso em relação à teologia da prosperidade.

“Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas? E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniquidade.” Mateus 7.22,23

Esquecem-se de que quem liberta ou cura não é a igreja, mas de Deus vem todo poder, há poder no nome de Jesus e Deus honra a autoridade do nome de Jesus.

Sem contar que Ele também já usou até uma mula, como diz no antigo testamento (Num. 28.22), então ser usado por Deus para algum milagre nunca é ou será uma aprovação de comportamento de alguém ou de ministério.

doutrina do toma lá dá cá, é uma heresia que tem a função de arrancar o dinheiro do povo em nome de Deus com a falsa promessa que Deus irá um dia dá em dobro, pura distorção das Escrituras.

Enquanto muitas famílias sinceras deixaram de comer bem para dar seu TUDO no altar dos mercenários da fé, pensando que estão doando a obra de Deus, estes psicopatas e estelionatários da fé investem em vários setores como empresas de táxi aéreo, agencia de viagens, transportadora, Banco, hospital privado, empresa de plano de saúde, fazendas, mansões, apartamentos no Brasil e exterior, jatinhos, gráficas, emissoras de radio e tv, tudo isso com o dinheiro obtido pelo “toma lá dá cá“, pela barganha com Deus, pelas mentiras e falácias em nome de Deus, que trazem prosperidade somente a eles mesmos.

As igrejas sérias que tem o objetivo de cumprir o mandamento do Senhor em Marcos 16.15 , definitivamente e felizmente não compartilham desta falsa doutrina do toma lá dá cá, por tanto amado(a) leitor(a) não cometa a injustiça de generalizar.

Fonte:  Livro Igrejas Evangélicas que se Tornam Seitas Perigosas – Baixe grátis clique aqui

Pastor Flávio Gabriel

Tem 46 anos, casado, com ministério pastoral há 25 anos, Bacharel em Teologia, Pastor na Igreja Evangélica Vida com Vida em Nilópolis, RJ, Brasil, é Professor da EBD e de Teologia, fundador e Professor do Seminário de Escatologia Bereiano e autor dos Livros: Igrejas Evangélicas que se Tornam Seitas Perigosas, OVNIS ETS E A BÍBLIA e Como Não Amar Esta Mulher?

Visit Us On YoutubeVisit Us On Facebook